As Vantagens de ser invisível ( Stephen Chbosky )









~>Nome:  As vantagens de ser invisível
~>Autor(a): Stephen Chbosky
~> Editora: Rocco
~> Páginas: 223
~>ISBN: 9788532522337
~>Onde comprar: 

 



 Sinopse: 

" Mais íntimas do que um diário, as cartas de Charlie são estranhas e únicas, hilárias e devastadora. Não se sabe onde ele mora, nem para quem escreve. Tudo o que se conhece é o mundo que ele compartilha com o leitor. Estar encurralado entre o desejo de viver  sua vida e fugir dela , coloca um novo caminho através de um território inexplorado. Um mundo de primeiros encontros amorosos, dramas familiares e novos amigos. Um mundo de sexo, drogas e rock'n'roll, quando o que todo mundo quer é aquela musica certa que provoca impulso perfeito para se sentir infinito..."




Esse livro é um dos melhores que eu já li.
Ele é escrito através de cartas, onde Charlie escreve para um 'amigo' imaginário.
Nessas cartas ele conta como se sente, e toda a sua  vida. 
Suas aflições e seus medos.
Durante todo esse processo,  há certas ' brechas' na história onde você percebe que algo está diferente, que algo está 'errado'.

É um ótimo livro, eu adorei. Mas há uns pontos que deixam a desejar.
Mas nem por isso prejudica tanto a história.
O livro foi lançado pela editora Rocco, eu possuo a edição que tem a capa do filme, e que particularmente eu acho mais bonita.
Ele é mais comprido do que o normal. Gosto da diagramação.


O filme também é incrível. Adorei.
Ele te dá uma sensação inexplicável. Uma sensação de liberdade.

Vale a pena ler. OU para aqueles que preferem assistir o filme.
Mas conheçam a história, recomendo.



Beijinhos e até a próxima...


Snowhite J








Poemas e poesias...

Oi Gente, 
Bem, Sejam Bem-Vindo ao "My Diary", sinta-se a vontade pra opinar, criticar, elogiar e etc....

E vou começar com um poema que eu gosto muiito!! O porque eu não seii, só sei que ele me chama muita atenção


Soneto de Fidelidade




De tudo ao meu amor serei atento

Antes, e com tal zelo, e sempre, e tanto

Que mesmo em face do maior encanto
Dele se encante mais meu pensamento.

Quero vivê-lo em cada vão momento
E em seu louvor hei de espalhar meu canto
E rir meu riso e derramar meu pranto
Ao seu pesar ou seu contentamento

E assim, quando mais tarde me procure
Quem sabe a morte, angústia de quem vive
Quem sabe a solidão, fim de quem ama

Eu possa me dizer do amor (que tive):
Que não seja imortal, posto que é chama
Mas que seja infinito enquanto dure.



Vinicius de Moraes, "Antologia Poética", Editora do Autor, Rio de Janeiro, 1960, pág. 96.




                                                                                
    Xoxo


Amazon

Amazon